Capitulo 18 – O encontro tão desejado

A noite ia findando-se quando Merampth elegantemente despediu-se de alegre família e quando ia partindo, Maat chamou-lhe ao canto e lhe disse:

– Venhas comigo, pois quero lhe mostrar um local secreto.

Envergonhado com o convite tentou evitar, mas percebendo que todos nas festa abusara dos vinhos, saíram da vista dos convivas e desapareceram no breu da noite.

Maat contava para ele momentos de sua infância, traquinagens que fazia, como começou a dançar e tudo o mais, mas Merampth só tinha olhos para ela, que estava ali presente naquele momento e não mais na Maat do passado ou quando era criança.

Ao chegar em um ponto da propriedade avistaram um lindo jardim, um lindo campo de flores vermelhas que davam um ar todo especial para o local, mesclado com a folhagem verde com os bancos e espreguiçadeiras de cor branca próxima a uma frondosa árvore.

(um dos textos mais complexos que já fiz, complicado para escrever, pois tenho que segurar a emoção que está aflorada, e estou sendo bem real falando em emoção e não outro tipo de sentimento de desejo. A emoção de tentar personificar é grande, e a palavra com certeza está sendo a minha confidente. O doce palavra, porque me deres tal dom, poderia em estar apenas aqui sentado, mas não o estímulo e a vontade de transpor o que está dentro de mim é muito maior. Mas voltemos ao texto)

Era o lugar preferido dela para passar os dias quando estava triste ou sonhadora, sentaram-se um ao lado do outro. Merampth sem delongas, respirou fundo e olhando fixamente para os olhos de Maat disse:

– Querida Maat, tenho que lhe contar algo, não deverias estar a fazer isso, pois minhas ordens é o de zelar o bem estar de minha nação aqui no seu país, mas ultimamente venho sentindo um vazio tremendo dentro de mim, não sentindo mais prazer em lutas e pensava que estava ficando fatigado pelos esforços feitos, mas percebi que esse não era o problema não, a 2 meses estou aqui em teu pais, aprendi a conviver com vcs, aprendi muito de sua cultura, e a 2 meses descobri o que realmente faltava para mim não era nada mais do que amor.

Maat olhando fixamente para Merampth com o coração acelerado esperava pelo desfecho da palestra. Afinal ele estava pálido, com a respiração muito acelerada e olhos dilatados 😀

– A 2 meses descobri que o amor era o que faltava em minha vida, era o combustível que faltava para alegrar os meus dias, o amor que aprendi a conhecer aqui neste pais, nesta cidade, o amor que surgiu quando te vi pela primeira vez dançando após minha chegada.

A jovem moça tremia por dentro seus olhos faiscando paixão se controlava, seu corpo respondia ao banho de hormônios que suas glândulas produziam, suas pernas em movimento refrescava o seu sexo que a essa altura já contraia sentindo a libido do que poderia acontecer, seus seios ficaram rígidos sendo perceptível que eles estavam como deliciosas frutas havidas a serem degustadas e sentidas, seus lábios entre abertos, sua respiração ofegante …… tudo respondia a favor do momento.

– Aprendi a ver em vc a personificação de HATOR a deusa do amor e da beleza… somente ela seria capaz de exercer na natureza o feito de criar tal criatura como vc!! Maat eu te amo de todo o meu ser e gostaria e desposar-te que venhas embora comigo onde poderemos ser felizes e juntos unirmos.

– Não fales mais nada querido Merampth tenha-me em teus braços, também te amo desde a primeira vez que lhe vi e sei que de alguma forma não é a nossa primeira vez que acontece esse encontro mágico. Serei tua esposa, serei a tua amada, beije-me desejo-lhe sentir-te.

Está gostando dos textos? Gostaria de contribuir com algum tema, elogiar ou criticar? É simples encaminhe um e-mail para cronicasdaluavermelha@gmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s