Nas doces curvas das palavras lhe encontrei

Lhe encontrei!
Sem lhe ver muito bem!
Mas sim você estava lá!
Eu sabia, mesmo sem saber, mas sabia!
Olhava, procurava e apenas o vazio!
Mas sabia que tu estavas lá!
O desespero tomava conta!
Não sabia mais para onde olhar!
Mas sabia que tu estavas lá!
Nem que fosse de relance eu queria ver!
Não vi ….
Mas eu vi sim!
Vejo você por meio das palvras
Que deliniam suas formas!
Que deliniam suas curvas!
Que mostram o seu desejo!
Que apresentam suas necessidades!

Palavras que despem!
Palavras que despertam!
Palavras que penetram!
Palvras .. simples palavras que são reais!

Sim eu lhe vi, em sua plenitude! Em minha completa perdição!

Háaaaaaaaaa palavras de perdição, que inebriam e me deixam em chamas!!!

180999_137315203107485_1707172312_n

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s