Venha, venha para meus braços famintos!

Venha, para meus braços, vem
– Hurry up! –
O tempo e o vento sempre mudam
frenéticos, como as areias do tempo
transgrida consciente de uma vez
sem marasmos ou moralismos
sem ismo nenhum, vem assim zoom
rise up, como as notas musicais!

Beija-me pela frente, que eu te agarro por trás
se você entende, sutilmente como eu
que o desejo e o amor não se explicam
simplesmente acontecem e se vivem
então não há neuroses ou porquês
do it slowly and fine, will be just all right
feche os olhos e não haverá nada mais
sob a Via Láctea, só eu e você
– Hurry up! –

941676_4661513616168_478793112_n

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s