Mãos em teu corpo

Aquelas mãos em toques eternos
em alguns minutos apenas horas se tornaram
Eternos movimentos das pontas dos dedos
Procuravam retorno desejado presente na pele..

As mãos que desatavam nesta carne
Soluços langorosos no veludo,
Os meus sentidos todos em alarme,
Espasmos calorosos tão desnudos.

E todas as defesas em desarme,
Entregue o corpo lasso todo mudo,
Tuas mãos matreiras a regozijar-me
Num sonho de volúpia que foi tudo.

tumblr_lgt92uISGb1qczgi2o1_500

E longe delas, ai que não seguro,
A febre delirante por um toque,
Que firme, sedutor e tão maduro,

Em ébrios transes queime e me coloque!
Que desvairadamente eu procuro,
Na súbita centelha de um choque.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s